eSocial ? vamos todos gastar de novo? - Cursos Nova Era

Acesso

Acesso restrito para
sua conta

eSocial - vamos todos gastar de novo?

09/07/2019 23:43

É natural que todo modelo novo de informações exigido pelo Governo sofra críticas, e o seu uso vá provocando melhorias. Contudo, mudar a trajetória em sua reta final, ao contrário do que se anuncia, pode ser um revés, levando as empresas e o próprio Governo a arcar com novos custos.

 

Neste momento, a notícia sobre as modificações e extinção do eSocial, não é mais bem-vinda, pois gerará novos custos para as empresas que há mais de um ano estão efetuando os envios ao eSocial. Estas empresas já validaram o modelo, efetuaram investimentos em software, em capacitação de pessoal, e estão efetuando, inclusive, recolhimentos de encargos a partir deste novo ambiente para a Receita Federal.

 

O que as empresas aguardavam, com ansiedade, era o momento em que os informativos antigos seriam totalmente substituídos. Isto sim, levaria a redução de custos, e justificaria os investimentos realizados. A partir do momento em que as empresas abandonarem os envios dos formulários antigos, é que realmente nos daremos conta do quanto o eSocial é simplificador.

 

Nós, do RH das empresas, podemos afirmar isto com toda a certeza, pois somos quem diariamente enfrenta os desafios de cumprir os prazos e as entregas ao Governo, com os mais de 20 modelos antigos, fazendo uso de programas validadores arcaicos que ora funcionam, ora não, e com a redundância de informações aos vários órgãos fiscalizadores.

 

Anunciar que a partir de 2020, teremos dois novos programas de entregas, um modelo para as grandes e médias empresas, outro modelo para as pequenas e micros, em nada justifica substituir o modelo de eSocial em andamento, que promete unicidade e simplificação muito maiores, além de já terem sido envidados esforços e investimentos pela maioria das empresas!

 

As próprias micros e pequenas empresas já haviam iniciado seus envios ao eSocial em 2018, depois postergado para continuidade em janeiro 2019. Com certeza a maioria já realizou as devidas adequações e iniciou seus envios.

 

A única decisão aceitável, seria o adiamento da entrega dos leiautes de SST, em virtude das modificações legais que ainda estão sendo debatidas.

 

Sem retirar as obrigações antigas, a impressão é que o eSocial está sendo algo a mais e que veio apenas para dar trabalho, porém, se ficarmos neste jogo de “empurra-empurra”, não conseguiremos ver que o eSocial além de melhorar a qualidade das informações de maneira mais simples e única, ainda retirará as atuais redundâncias, e reduzirá os processos internos do RH.

 

Por fim, está muito difícil aceitar que a justificativa para estas modificações represente o anseio da maioria. Parece-nos, muito mais, falta de conhecimento e de esclarecimento aos que estão criticando o modelo, pois, ao cair os modelos antigos, as empresas estarão cumprindo as exigências legais de forma bem menos trabalhosa do que a modalidade anterior.

 

Anelore B. Tolardo
Especialista em Folha de Pagamento e Rotinas Trabalhistas, com mais de 40 anos de atuação em Recursos Humanos.
Proprietária da Nova Era Consultoria e Treinamento.

Formas de Pagamento
Convênios

Cursos Nova Era - 2019 - Todos os direitos reservados by SoftD